Mesclas

Mesclas
....E o meu coração baterá por mais um ou dois segundos...Nunca estive tão sóbrio de mim.

domingo, 10 de julho de 2011

Queimaduras

Eu corri..
Entre o sangue e o fogo.
Decisoes que pesaram.
Perdido até a dor passar.
E deixar a perfeicao carregar este peso que me leva ao chao.
Nao é nada novo , mas nada usado.
É complicado.
Quando olho para o espelho posso ser o que eu nao vejo.
Nao podemos beber e beber para esquecer....e  forcar a alegria.
Preso em licoes de vida..
passado que nos puxa..
Simples recortes...
Enquadrados em dispercoes...
Por favor...
Crie minha protecao...
nao quero viver a guerra dos sonhos.
A confusao da ilusao.
Em dias e dias eu sinto correr...
Essas maguas...
E ofensas que me queimaram..

Queimaduras que ardem...
O que eu tenho feito?
Porque eu tenho feito?


Nenhum comentário:

Postar um comentário